VoltarTodos os artigos
João Pereira
Revisto por João Pereira
João Pereira

Com vários anos de experiência no mercado de financiamento, fundei a Gestlifes em 2018. Desde então, guio uma equipa com mais de 20 especialistas de crédito que ajuda a encontrar a solução adequada de acordo com as possibilidades do cliente.

Crédito Jovem: Os Bancos Disponibilizam Ofertas? Saiba Tudo

Banco de Portugal

Gestlifes é uma marca JPCOM, intermediário de crédito vinculado e autorizado pelo Banco de Portugal nº1409.

Simule Grátis

Indique-nos de quanto precisa e obtenha o melhor crédito habitação.

30000€
1000000€

Para quem começou a vida profissional há pouco tempo e procura desde já comprar uma habitação ou até conseguir um financiamento pessoal, conseguir condições de crédito favoráveis, pode ser uma tarefa mais complicada.

Tendo em conta que os jovens por norma apresentam um maior risco para o banco, coloca-se a seguinte questão:

  • Existe alguma solução de crédito jovem?

A verdade é que existem instituições financeiras que oferecem condições especiais para pessoas com idade até aos 35 anos, chamadas de crédito habitação jovem.

Mas não só, existem igualmente soluções de crédito pessoal para jovens com vantagens específicas para esta faixa etária.

Caso procure desde já uma simulação de crédito jovem, a Gestlifes apresenta-lhe a melhor entidade financeira para si, sem qualquer custo ou compromisso associado.

Alternativas de crédito jovem em Portugal

O mercado de financiamento em Portugal é por norma dividido em crédito habitação e crédito pessoal.

Ora, o mesmo se pode aplicar nas ofertas de crédito jovem, podendo encontrar para já:

  • Crédito Pessoal Para Jovens;
  • Crédito Habitação Jovem.

No geral, estas alternativas destinam-se a determinadas finalidades que os bancos consideram fazer mais sentido para aplicar em ofertas de crédito jovem.

A verdade é que, como este é um nicho de mercado, estas podem ser ofertas que não são tão promovidas pelos bancos, pelo menos ainda!

Por isso, vamos perceber quais as alternativas?

Crédito Pessoal Para Jovens

Sempre que falamos de finalidade de crédito ao consumo, falamos de créditos pessoais.

Nesta vertente, os bancos tendem a variar a sua oferta consoante a finalidade, e o mesmo acontece oferecendo soluções de crédito pessoal para jovens.

As entidades financeiras olham para esta faixa etária com ofertas para financiar estudos, o que acaba por fazer algum sentido.

Ainda assim, qualquer jovem pode pedir outra finalidade, sem que seja obrigado a indicar o porquê!

Isto porque não faria sentido um jovem não conseguir pedir por exemplo, um crédito automóvel se tivesse condições para tal.

Todavia, queremos destacar que se procurar por um crédito pessoal jovem, é provável que encontre ofertas para a finalidade de formação, que por norma apresentam estas condições:

Montante

1.000€ a 50.000€

Prazo de Pagamento

12 a 120 Meses

TAEG

Desde 3,6%

Tempo de Aprovação

24 Horas

Período de Carência

Aplicável

Formação Abrangida

Ensino Universitário e Formações Externas

Neste tipo de crédito jovem é normal que encontre um período de carência, isto significa que enquanto estuda, apenas está a pagar juros, ou seja, é uma ótima vantagem.

Adicionalmente esta é das poucas soluções que permitem chegar até 10 anos de pagamento, conhecida como crédito pessoal 120 meses.

Ora nas restantes finalidades, a idade pode ainda contar, até porque um jovem com estabilidade financeira tem certamente uma aprovação mais rápida de crédito!

E, mesmo que procure outra solução, a nossa equipa pode ajudá-lo a comparar o mercado de crédito jovem. O nosso serviço é grátis e vamos analisar as ofertas consoante as suas necessidades.

Devido ao aumento dos preços dos imóveis e da estagnação de rendimentos, a população jovem tem sentido dificuldade em sair da casa dos pais e viver numa habitação própria.

Por este motivo, é normal que então seja mais difícil obter bonificações de spread e reduções de custos no crédito habitação.

Ainda assim, existem algumas condições especiais para jovens entre os 18 e os 35 anos que pretendem comprar casa, embora seja um tema mais burocrático do que por exemplo o crédito pessoal para jovens.

Estas soluções de crédito jovem passam principalmente por reduções de spread e isenção de algumas comissões durante o processo, para facilitar o acesso ao financiamento.

  • Bonificação de Spread
  • Redução de Prestação
  • Isenção de Comissões
  • Desconto no Seguro de Vida
  • Financiamento Até 90%
  • Crédito Com Hipoteca

Comparando com outras ofertas de financiamento, o empréstimo habitação para jovens conta com alguns apoios, tais como:

  • Isenção da comissão de avaliação – Existe a possibilidade do banco avaliar o valor do imóvel gratuitamente para providenciar o financiamento, algo que por norma tem um preço estipulado.
  • Redução de prestação – Permite uma redução de prestação até 30% durante os primeiros 2 anos do crédito habitação jovem.
  • Desconto em produtos adicionais – É possível obter descontos adicionais, como por exemplo, 20% no seguro de vida.
  • Bonificação de spreads – Ao adquirir produtos específicos da entidade financeira, pode obter uma redução no spread.
  • Até 90% de financiamento – Em determinados bancos, num crédito habitação “tradicional” o financiamento máximo é mais reduzido comparando com o crédito habitação jovem.
  • Garantias Adicionais – Através de hipoteca de uma casa do familiar, o banco pode garantir uma redução do financiamento, prestação e melhores condições do crédito jovem.

Ainda assim, as condições do empréstimo vão depender de banco para banco, por isso, vamos conhecer as instituições financeiras que disponibilizam condições especiais para jovens.

crédito habitação jovem

Em Portugal é possível encontrar dois bancos que apostam em soluções especiais de crédito para pessoas entre os 18 e os 35 anos de idade.

Para ambos os casos, o crédito habitação jovem segue a mesma recomendação definida pela lei, podendo o titular conseguir um empréstimo até 90% do valor de um imóvel.

Estes são os bancos que disponibilizam crédito habitação jovem:

Financeira Spread

Financeira

ActivoBank

Spread

Desde 1,3%

Financeira

Novo Banco

Spread

Desde 1%

Em cada entidade encontrará condições diferentes, sendo que todos apostam numa bonificação do spread, permitindo assim a pessoas com idade máxima de 35 anos obter um crédito habitação mais barato.

No entanto, estas duas entidades financeiras oferecem diferentes condições de crédito jovem. Por isso, vamos perceber quais os apoios que existem.

ActivoBank Crédito Habitação Jovem

A oferta para jovens do ActivoBank permite:

  • Redução até 20% no valor do seguro de vida;
  • Reduzir da prestação em 10%, 20% ou 30% durante um período inicial de 6, 12, 18 ou 24 meses;
  • Isenção da comissão de avaliação;
  • Isenção da comissão de formalização;
  • Isenção da comissão de dossier.

A isenção de algumas comissões do processo permitem uma poupança de cerca de 700€ na abertura do crédito, algo que por norma é pago por qualquer pessoa.

E, como acontece por habitualmente em qualquer instituição financeira, se aderir a outras soluções do banco pode garantir uma bonificação ainda maior.

Novo Banco Crédito Habitação Jovem

Relativamente ao Novo Banco, através da solução de crédito habitação jovem consegue:

  • Bonificação spread de 0.1%;
  • Incluir como garantia um imóvel do familiar;
  • Redução do custo do seguro de vida para familiares;
  • Garantir maior redução de custos através da adesão de outros serviços.

Analisando as duas ofertas de crédito habitação jovem, vai encontrar algumas vantagens comparando com o crédito habitação “tradicional”. Mas, como este é ainda um mercado reduzido, através de um financiamento mais comum para comprar casa também é possível obter reduções e condições especiais.

Essa tarefa requer tempo e conhecimento do mercado, mas quando faz uma simulação com a Gestlifes, reencaminhamos o seu pedido para várias instituições, recolhemos as propostas feitas especificamente para si e, encontramos o melhor crédito ideal para o seu caso.

Fiadores Crédito Habitação Jovem

Neste tipo de crédito, dependendo da avaliação de risco do banco, pode ser ainda necessário um fiador.

O fiador é alguém que pode assumir o empréstimo caso o titular entre em incumprimento, como por exemplo, os pais do titular ou alguém próximo da família.

Mesmo que a taxa de esforço não seja elevada, incluir um fiador no empréstimo, por norma garante uma redução de spread. No entanto, nem sempre esta é uma escolha do consumidor, mas sim o requisito do banco.

No caso do Novo Banco, a proposta de crédito habitação jovem implica a associação de um familiar na proposta de crédito, seja através da hipoteca de um imóvel ou de um fiador.

Todavia, o ActivoBank não tem qualquer referência a este requisito, pelo que é possível obter um crédito habitação jovem sem recurso a um fiador.

Importa referir que o crédito habitação jovem não é uma modalidade oficial de financiamento.

O que na realidade acontece é que existem algumas condições que permitem aos jovens garantir mais facilmente um crédito.

Por isso, é normal que não existam recomendações do Banco de Portugal sobre quem pode pedir um crédito jovem. Ainda assim, as instituições financeiras seguem dois requisitos:

  • Titular ou titulares do crédito terem até 35 anos de idade;
  • Necessário ter 10% de entrada inicial, visto que não é possível pedir um crédito jovem com 100% de financiamento.

O restante processo é tratado com semelhança ao do crédito habitação, incluindo os prazos máximos sugeridos pelo Banco de Portugal.

Simulador Crédito Jovem

Pedir um crédito até aos 35 anos, não significa que esteja apenas dependente das ofertas para jovens.

Muito pelo contrário, apesar de existirem algumas ofertas para esta faixa etária, os bancos têm a idade como uma fator de análise e não como um atributo decisivo.

A verdade é que a estabilidade financeira, o histórico de créditos e a sua relação com os bancos, são os fatores que permitem conseguir boas condições de financiamento.

Por isso, faça uma simulação online com a Gestlifes para analisarmos o seu caso.

Comparamos várias ofertas de instituições financeiras e indicamos-lhe sem qualquer custo ou compromisso para si, a solução que se adequa à sua situação.

Os bancos atualmente vão tratar de forma igual a nível de documentação, pelo que ao pedir um crédito jovem, é natural que a entidade financeira venha a pedir a seguinte documentação:

  • Cartão de Cidadão;
  • Comprovativo de Morada Fiscal – Uma cópia de uma fatura de luz, água, gás ou telecomunicações;
  • Comprovativo de IBAN – Obtenha este documento numa caixa multibanco ou através do Homebanking do seu banco;
  • Últimos 3 Recibos de Vencimento;
  • Último Modelo 3 do IRS – Envie a declaração encontrada na sua área pessoal no Portal das Finanças;
  • Mapa de Responsabilidades – Encontra este documento ao clicar em “Central de Responsabilidades de Crédito” no site do Banco de Portugal.

Ainda assim, é necessário ter em conta que se for falarmos de um crédito pessoal para jovens, é natural que tenha menos burocracia associada do que um crédito habitação jovem.

Apesar de ser ainda um mercado em crescimento, o crédito habitação jovem é já um sinal que as entidades financeiras pretendem chamar à atenção de uma faixa etária que tem tido dificuldade em conseguir financiamento.

Ainda assim, como são várias as propostas dos bancos a nível de empréstimos, com o acompanhamento certo, é possível obter uma redução de spread que pode influenciar diretamente o Montante Total Imputado ao Consumidor (MTIC).

Mesmo que tenha menos de 35 anos, pode e deve procurar por mais soluções que não se destinam apenas a jovens. É neste ponto que a Gestlifes pode oferecer um acompanhamento personalizado e ajudá-lo a encontrar uma solução de crédito para si.

Perguntas Frequentes

Quais as alternativas de crédito jovem?

Quando falamos em crédito jovem, atualmente encontramos dois tipos de ofertas:

  • Crédito Pessoal Para Jovens;
  • Crédito Habitação Jovem.

No geral, estas alternativas destinam-se a determinadas finalidades que os bancos consideram fazer mais sentido para aplicar em ofertas de crédito jovem.

Conheça o mercado no nosso artigo sobre o mercado de crédito jovem e peça uma simulação grátis.

 

O que é o crédito habitação jovem?

Como tendencialmente na idade jovem não tem existido uma estabilidade financeira, surge o crédito habitação jovem.

Uma solução disponível em algumas instituições financeiras com condições especiais para jovens até os 35 anos que pretendem comprar casa.

Estas soluções de crédito habitação para jovens passam principalmente por reduções de spread e isenção de algumas comissões durante o processo, para facilitar o acesso ao financiamento.

Quais as vantagens do crédito habitação jovem?

Através de um empréstimo habitação para jovens pode conseguir algumas condições mais favoráveis, tais como:

  • Isenção da comissões;
  • Redução de prestação;
  • Desconto noutros produtos associados ao banco;
  • Bonificações de spread;
  • Possibilidade de incluir hipoteca de familiar.

Estes apoios estão por norma disponíveis para pessoas entre os 18 e os 35 anos de idade.

É necessário fiador no crédito habitação jovem?

Dependendo da oferta do banco, pode ser necessário incluir um fiador.

Ainda assim, existem ofertas de crédito habitação jovem que não obrigam que o titular associe um fiador ao empréstimo.

É possível obter um crédito habitação jovem com 100% de financiamento?

Atualmente não existem créditos habitação jovem com 100% de financiamento. Sendo apenas possível obter um financiamento até 90%, tal como é recomendado pelo Banco de Portugal.

Existem apenas duas situações em que é possível obter um empréstimo com 100% de financiamento e sem dar entrada.

SIMULAR AGORA! SIMULAR AGORA!