VoltarTodos os artigos
Rita Quaresma
Revisto por Rita Quaresma
Rita Quaresma

Formei-me em Gestão em 2007 e sou Analista de Crédito desde então. Trabalho há mais de 5 anos na Gestlifes, onde já ajudei centenas de famílias a encontrarem as melhores soluções para as suas finanças.

Preciso de Dinheiro Para Pagar Dívidas: Conheça as Soluções

Banco de Portugal

Gestlifes é uma marca JPCOM, intermediário de crédito vinculado e autorizado pelo Banco de Portugal nº1409.


“Preciso de dinheiro para pagar dívidas. O que posso fazer?”

Se eventualmente tem este pensamento em mente, existem algumas alternativas para evitar um endividamento por completo.

Neste guia da Gestlifes vamos deixar-lhe as melhores sugestões para momentos de emergência financeira.

Todas estas soluções têm por base a oferta de crédito de entidades competentes e legais, deixando de parte qualquer alternativa que não esteja autorizada pelo Banco de Portugal.

Quando é necessário um dinheiro extra para pagar uma dívida significa que está à beira de entrar em incumprimento ou já se encontra com o nome na lista negra do Banco de Portugal.

A diferença entre ambos os casos faz toda a diferença, isto porque, caso ainda não esteja em incumprimento, o banco pode aceitar um novo financiamento para ajudar a resolver este problema.

Assim, vamos conhecer todas as alternativas que evitam o incumprimento com suas obrigações.

Crédito Consolidado Para Baixar Divida

O crédito consolidado permite juntar vários créditos num só.

A grande vantagem é que acaba por ficar com apenas um crédito, com taxas e custos mais inferiores, e no processo de consolidação pode ainda alargar o prazo de pagamento, permitindo uma redução de prestação que pode chegar em muitos dos casos a 60%.

E, caso seja necessário pode ainda pedir um montante adicional!

Uma das poucas condições que vai encontrar neste financiamento é que não pode estar em incumprimento com os seus créditos, caso contrário a entidade financeira dificilmente aprova a consolidação.

Se a sua situação ainda lhe permite pedir um crédito, a Gestlifes pode encontrar por si, o melhor financiamento para a sua situação. E este trabalho não tem qualquer custo associado.

Preciso de dinheiro para pagar dívidas

Num sentido urgência, fazer um crédito consolidado ou pedir um crédito pessoal urgente são alternativas rápidas e com aprovação em 24 horas.

No segundo caso, ao pedir um crédito para cobrir uma dívida deve ter em mente que está a entrar num clico de endividamento.

Quando pede um financiamento, mesmo para pagar uma emergência, os bancos vão analisar o seu mapa de responsabilidades para perceber quantos créditos tem em mão.

Por isso, se o seu nome constar na lista negra do Banco de Portugal ou a entidade financeira perceber que a sua taxa de esforço já não permite obter mais créditos, é oportuno referir que o pedido deve ser rejeitado.

Mas, caso seja exatamente este o financiamento que procura, a Gestlifes trabalha com várias entidades financeiras que disponibilizam esta solução. Assim, basta indicar-nos quanto precisa, e analisamos o mercado para indicar-lhe a melhor solução.

Renegociar Crédito

Uma alternativa para não pedir dinheiro para pagar dívidas é falar diretamente com o seu banco, isto é renegociar as condições de crédito.

Também é do interesse da entidade financeira que consiga cumprir com as suas obrigações, por isso, existe espaço para um diálogo.

Tanto é assim que o Banco de Portugal no seu guia para renegociar dívidas refere:

“A renegociação dos termos do contrato só é possível havendo acordo entre o cliente bancário e a instituição de crédito.

Nestes casos, os bancos acabam por fazer um novo plano de condições com objetivo de não entrar em incumprimento.

Tenha ainda em conta que os bancos não podem cobrar comissões nas renegociações de dívidas.

❌ Não é possível obter financiamento caso tenha problemas bancários.

Qualquer entidade que seja regulada pelo Banco de Portugal não vai financiar caso já tenha problemas com a banca.

Existe ainda assim uma financeira que em certos casos aceita financiar, mesmo estando em incumprimento: o BNI Europa.

Este banco tem duas condições:

  • O incumprimento já registado não pode ser superior a 750€;
  • A data do incumprimento não pode ser superior a 3 meses.

Ainda assim, se não consegue obter um financiamento ou renegociar com o seu banco, existem outras alternativas que pode recorrer.

Alternativas Para Evitar Endividamento

O sobre-endividamento é algo que infelizmente pode acontecer.

Caso tenha chegado ao ponto que precisa de dinheiro para pagar dívidas mas já não consegue uma solução, o primeiro passo é comunicar com a entidade financeira.

Todos os bancos têm a responsabilidade de colaborar e de encontrar uma alternativa, algo previsto no Plano de Ação para o Risco de Incumprimento (PARI), uma medida de prevenção de incumprimento do Banco de Portugal que indica que as instituições devem cooperar perante os casos de risco.

Adicionalmente, existe também o Procedimento Extrajudicial de Regularização de Situações de Incumprimento (PERSI), um procedimento que evita gastos extras de litígio, direcionado para pessoas que tenham até dois meses de incumprimento e com finalidade de tentar propor soluções viáveis de regularização.

Em Portugal existem também entidades que se encontram disponíveis para ajudar, de forma gratuita, todas as pessoas que estejam com problemas bancários.

Estas são algumas das entidades:

Em momentos mais sensíveis é normal que sinta que qualquer proposta é boa, mas nem sempre é assim.

Infelizmente são muitos os casos de burlas online de crédito, principalmente em empréstimos particulares, que acabam por propor financiamentos mesmo sem autorização para emprestar dinheiro.

A Gestlifes tem um guia sobre como evitar burlas de crédito que pode utilizar sempre que necessário.

Este é o primeiro passo a tomar:

  • Aceitar apenas soluções de entidades autorizadas pelo Banco de Portugal.

Por outro lado, se precisa de dinheiro para pagar dívidas, pedir um novo financiamento pode não ser a melhor solução.

Como pode verificar existem alternativas como a junção de créditos, a renegociação ou os sistemas contra o incumprimento do Banco de Portugal.

Estas são as soluções que pode recorrer antes de declarar uma possível insolvência pessoal.

Pagar dívidas é um momento que requer alguma estabilidade emocional.

Principalmente quando existe alguma urgência em pedir dinheiro e estamos mais vulneráveis para aceitar propostas que podem parecer aliciantes, mas que acabam por não ser fidedignas.

Em caso de dúvida pode sempre verificar junto do Banco de Portugal se a entidade é autorizada para financiar.

Se conseguir uma das alternativas sugeridas pela Gestlifes para cobrir a sua dívida, sugerimos que a sua principal motivação a longo prazo seja liquidar totalmente todos os créditos, para conseguir voltar a uma situação financeira saudável.

Perguntas Frequentes

Quais as alternativas para conseguir dinheiro para pagar dívidas?

As alternativas vão depender caso esteja já em incumprimento ou não.

Atualmente pode:

  • Consolidar Créditos: Juntar vários créditos num só e alargar o prazo de pagamento para obter uma prestação mais baixa;
  • Procurar Créditos Pessoais Urgentes: Obter um financiamento extra para cobrir as dívidas, ficando apenas com este crédito por pagar;
  • Renegociar Créditos: Pode contar diretamente o banco para renegociar as condições atuais do seu contrato.

No nosso guia apresentamos ainda mais alternativas caso esteja num momento de aperto financeiro.

 

É possível obter crédito com problemas bancários?

Não é possível obter financiamento caso tenha problemas bancários.

Qualquer entidade que seja regulada pelo Banco de Portugal não vai financiar caso já tenha problemas com a banca.

Existe ainda assim uma financeira que em certos casos aceita financiar, mesmo estando em incumprimento, conheça as exceções no nosso artigo.

 

O que posso fazer estando endividado?

Para além das soluções indicadas no nosso artigo, segundo o Plano de Ação para o Risco de Incumprimento (PARI), todos os bancos têm obrigação de tentar encontrar uma solução.

Existem também o  Procedimento Extrajudicial de Regularização de Situações de Incumprimento (PERSI), com finalidade de tentar propor soluções viáveis de regularização para o endividado.

Existem entidades dispostas a ajudar em casos de endividamento?

Em Portugal existem também entidades que se encontram disponíveis para ajudar, de forma gratuita, todas as pessoas que estejam com problemas bancários.

Estas são algumas das entidades:

SIMULAR AGORA! SIMULAR AGORA!